Google+ Followers

segunda-feira, 1 de abril de 2013

Exercicio sobre conectivos textuais

Quanto veneno tem nossa comida?

Desde que os pesticidas sintéticos começaram a ser produzidos em larga escala, na década de 1940, há dúvidas sobre o perigo para a saúde humana. No campo, em contato direto com agrotóxicos, alguns trabalhadores rurais apresentaram intoxicações sérias. Para avaliar o risco de gente que apenas consome os alimentos, cientistas costumam fazer testes com ratos e cães, alimentados com doses altas desses venenos. A partir do resultado desses testes e da análise de alimentos in natura (para determinar o grau de resíduos do pesticida na comida), a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) estabelece os valores máximos de uso dos agrotóxicos para cada cultura. Esses valores têm sido desrespeitados, segundo as amostras da Anvisa. Alguns alimentos têm excesso de resíduos, outros têm resíduos de agrotóxicos que nem deveriam estar lá. Esses excessos, isoladamente, não são tão prejudiciais, porque em geral não ultrapassam os limites que o corpo humano aguenta. O maior problema é que eles se somam – ninguém come apenas um tipo de alimento.

(Francine Lima, Revista Época, 09.08.2010)

1-Em – Esses valores têm sido desrespeitados, "SEGUNDO" as amostras da Anvisa. – a expressão destacada pode ser substituída, sem alteração de sentido, por

(A) conforme.
(B) por isso.
(C) logo.
(D) no entanto.
(E) tanto que.

2-A expressõe "porque" estabelecem, correta e respectivamente, relação de:
(A) modo.
(B) causa.
(C) conseqüência.
(D) objetivo.
(E) explicação.

“...a inflação funcionou como uma crueldade superveniente, pois os títulos não tinham correção monetária.”

3-A palavra grifada no trecho acima pode ser substituída sem provocar perda de sentido por:

(A) porquanto
(B) portanto
(C) não obstante
(D) conquanto
(E) consoante

4- A alternativa em que o conectivo sublinhado tem seu valor semântico corretamente identificado é:

(A) “...expõem ali aos domingos e vendem suas coisas” = tempo.
(B) “...para se defender de assaltantes” = direção.
(C) “...exige cuidado do pedestre para não pisar naquelas coisas” = lugar.
(D) “...como a praça é do condor” = comparação.
(E) “...mas podia haver menos cães e bolas...” = intensidade.

5- “Os camelôs são pais de famílias bem pobres, e, então, merecem nossa simpatia e nosso carinho; logo eles se multiplicam por 1000”; os termos sublinhados indicam, respectivamente:

(A) conclusão e tempo;
(B) tempo e conclusão;
(C) explicação e situação;
(D) situação e explicação;
(E) causa e conclusão.

6-No trecho “Já o mesmo não acontece no caso de contemporâneos, dos quais tenho um conhecimento mais ou menos dignos de
confiança.”, a palavra "já" pode ser substituída, sem alteração de sentido, por
(A) entretanto.
(B) como.
(C) à medida que.
(D) se.
(E) quando.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.